Saltar para o conteúdo principal da página

Exoesqueleto vence na categoria Smart dos iTechStyle Awards

23 de Maio 2024 | Notícias

Inovação da Pafil, cofinanciada pelo COMPETE 2020, veio para melhorar as condições de trabalho das costureiras.

O projeto Exoesqueleto destacou-se na última edição dos iTechStyle Awards, vencendo na categoria Smart. Este prémio foi entregue no primeiro dia do iTechStyle Summit, onde a Pafil brilhou com esta inovação.

Com o objetivo de melhorar as condições de trabalho das costureiras, o projeto desenvolveu um exosqueleto robotizado. Esta tecnologia, flexível e vestível, adaptava-se ao corpo e aos movimentos, oferecendo suporte ergonómico sem perturbar as operações de costura. O exosqueleto aumentava a força, velocidade e resistência dos trabalhadores, promovendo o seu conforto e desempenho.

Inovação e Bem-Estar no Setor Têxtil

No contexto industrial da Internet das Coisas (IoT), muita atenção tem sido dada às máquinas, enquanto o agente humano muitas vezes permanece secundarizado. Apesar do crescente nível de automação nas operações industriais, muitas tarefas manuais continuam a comprometer o conforto e o desempenho dos trabalhadores. No setor do vestuário, onde a intervenção humana é crucial, há um risco elevado de doenças ocupacionais devido à natureza repetitiva e complexa do trabalho.

Uma Solução Revolucionária

Este subprojecto visou desenvolver um exosqueleto robotizado, combinando ciência dos dados e robotização, construído com materiais têxteis flexíveis. O dispositivo, sendo vestível e ativo, ajustava-se ao corpo e aos movimentos das costureiras, melhorando os movimentos ergonómicos e o desempenho sem perturbar as operações de costura. A implementação desta tecnologia resultou num aumento significativo da força, velocidade e resistência das trabalhadoras.

Projeto STVgoDigital

O subprojecto do exosqueleto integra-se num projeto maior, o “STVgoDigital: Digitalização da Cadeia de Valor do STV”. Este é um projeto estruturante do Cluster Têxtil: Tecnologia e Moda, com o objetivo de englobar várias iniciativas de I&D. Envolvendo empresas da fileira têxtil e vestuário e de setores complementares, o STVgoDigital promove a adoção e transição para a Indústria 4.0 e a digitalização.

Colaboração e Cofinanciamento

O STVgoDigital reuniu um consórcio diversificado para enfrentar desafios e explorar oportunidades no setor têxtil. As soluções desenvolvidas incluem a implementação de tecnologias digitais, novos procedimentos, modelos de negócio inovadores, e novos materiais. O foco foi também na sustentabilidade, agilidade da cadeia de abastecimento e bem-estar dos trabalhadores, evidenciando um compromisso com a evolução e melhoria contínua do setor.

O projeto foi cofinanciado pelo COMPETE 2020 no âmbito do Sistemas de Incentivos à Investigação e Desenvolvimento Tecnológico – Programas Mobilizadores – envolvendo um investimento elegível de 6 milhões de euros, o que resultou num incentivo FEDER de cerca de 4,1 milhões de euros.

O reconhecimento deste projeto com o iTechStyle Award na categoria Smart sublinha a importância da inovação tecnológica no aumento da eficiência e qualidade de vida dos trabalhadores na indústria têxtil e vestuário.

Última atualização a 23 de Maio 2024

Artigos relacionados

11 de Junho 2024 Notícias

APIMA fortalece internacionalização da Fileira Casa Portuguesa

A Associação Portuguesa das Indústrias de Mobiliário e Afins está a apostar numa nova operação de “Internacionalização da Fileira Casa Portuguesa”, cofinanciada pelo COMPETE 2030, para apoiar as empresas da Fileira Casa a ganharem relevo e expansão internacional.

A carregar...